Apelo disfarçado

Acho engraçado que agora Robinho venha exigir sua transferência para o Real Madrid, apelando para Fifa, após ter o pedido de intervenção da CBF negado. O jogador argumenta que por ter direito a 30% da multa contratual de 50 milhões de dólares, a obrigação dos Santos é aceitar os 30 milhões de dólares oferecidos pelo time espanhol e liberá-lo. Bôa, Robinho. Pena que segundo o mesmo contrato assinado por você em 30 de Agosto de 2004, ou seja, menos de um ano atrás, e com validade até 30 de janeiro de 2008, tal solução poderia sim ser legal caso a diretoria do Santos concordasse com a transferência, o que os mesmos já deixaram claro que não. E outra: tava na hora mesmo dessas questões contratuais e Lei Pelé funcionarem. Lei Pelé que garante inclusive, em seu artigo 28, que NÃO HÁ limite de valor para multas contratuais em casos de transferências internacionais. Se ferrou, negão.

Então cara, abaixa a bola e vai treinar. Mesmo porque, santista nenhum aguenta uma dupla de ataque formada por Basílio e Giovane.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: