Arquivo mensal: junho 2005

Tevê

Fabiana citou e eu reintero. Meu atual desenho preferido é esse Três Espiãs Demais. Espetacular misto de As Patricinhas de Beverly Hills com As Panteras. As meninas comandam.

E aí, tá perdendo? Passa no Jetix e na sofrível Tv Globinho.

Via Google

O pessoal tem entrado aqui procurando por fotos e pelo endereço do fotolog da Jaqueline Carvalho, ponta e oposto da seleção brasileira de vôlei. O endereço do fotolog eu não sei, nem sei se a jogadora tem um, mas, veja que tremendo filho da puta serei, o perfil dela no orkut tá aqui*. Tem inclusive uns retrato sensacional da moça. GRANDE EMOÇÃO, ela provoca.

* surrupiado do blog do Cardoso.

Pensamentos proibidos

Papai e mamãe é que não iriam gostar

Eu, por exemplo, acho Suzane Von Richthofen ALTAS GATA.

No winamp

comentei aqui o filme, mas a trilha sonora de Hora de Voltar é igualmente boa. Saca a playlist:

1. Don’t Panic – Coldplay
2. Caring Is Creepy – The Shins
3. In The Waiting Line – Zero 7
4. New Slang – The Shins
5. I Just Don’t Think I’ll Ever Get Over You – Colin Hay
6. Blue Eyes – Cary Brothers
7. Fair – Remy Zero
8. One Of These Things First – Nick Drake
9. Lebanese Blonde – Thievery Corporation
10. The Only Living Boy In New York – Simon & Garfunkel
11. Such Great Heights – Iron and Wine
12. Let Go – Frou Frou
13. Winding Road – Bonnie Somerville

Zach Braff é indie. Corram pro emule . Ouçam!

Mozilla comanda

Instalei dois programas do pacote Mozilla aqui na máquina, para ver qual a dos caras. O Firefox realmente deixa o Internet Explorer no chão, gritando por piedade e janelas com abas. Parece inclusive que tio Bill já se mexeu e a próxima edição do IE sairá com abas e melhor proteção noturna (aff, péssima piada). Daí rolaram uns boatos que o Firefox tem falhas na segurança, que nunca se deve acessar compras online e internet banking com mais de uma janela aberta, mas isso me parece tão lógico que não consigo imaginar alguém comentendo tal despautério. Já há, de qualquer forma, uma extensão que corrige o erro. E aí, você vai continuar usando Internet Explorer? Sai dessa, mané.

Firefox Thunderbird

Já o Thunderbird tem como maior vantagem um indexador próprio dos RSS da vida. Eu, para ser sincero, desconhecia tal serviço até menos de um mês atrás mas achei sensacional receber atualizações dos meus blogs preferidos por e-mail. O Assertivo também já tá na brincadeira, clica aqui.

Musas pra metade da década II

O vôlei, além de ser o melhor esporte para se ver na tv, nos apresenta, a cada nova geração de moçoilas de shortinho, novas musas saltitantes. Eu, por exemplo, já escolhi a minha:

Jaque
Jaqueline Maria Pereira de Carvalho, a Jaque, tem apenas 21 anos, 1,86 m e 70 kg. A recifense, ponta e oposto destaque da seleção brasileira no Grand Prix de vôlei feminino, começou a carreira no Sport Recife mas já aos 18 anos foi campeã mundial juvenil e eleita melhor jogadora do torneio. Bicampeã da superliga nacional, Jaque defende atualmente o BCN paulista.

GAMEI.

Antes do lixo

Criei um blog de despretensões literárias, o Pra não jogar no lixo que, SE atualizado for, terá alguns rascunhos e contos que, caso não fossem publicados, teriam seu fim na lata de lixo, debaixo da mesa do computador. E sinceramente? Não fariam falta alguma. Seja como for, fica por.

O mal que faz o amor

Depois do show no programa da Oprah, Tom Cruise segue no lançamento mundial de Guerra dos Mundos, mais recente produção de Steven Spielberg que estréia quarta-feira nos cinemas brasileiros. Pelas fotos, nota-se que Cruise segue na fase “olha, tô bobão”, beijando todo mundo – sobrou até para o diretor – fazendo pose com Katie Holmes e torrando o saco das criança (ver foto com a menina Dakota Fanning).

Qualé, tom?

Filmes pela metade

Eu, por exemplo, nunca soube como Ana Scott e William Thacker se conheceram em Um Lugar Chamado Nothing Hill. Passa no Telecine uma vez por semana, pelo menos, mas eu nunca peguei o começo. Mas aquele final – momento em que William e sua turma cruzam a cidade para chegar na coletiva de imprensa de Ana e tentar desfazer o despautério que o rapaz cometeu ao dispensar a moça – é o melhor. Daí toca She do Elvis Costello e o filme termina. É lindo. Até os blogueiros choram, eu sei.